quarta-feira, 13 de julho de 2011

A bordo, marujos!

Este blog foi criado com a percepção de um problema – mais um entre tantos – existente na educação brasileira, com conseqüências na sociedade: a má compreensão da ciência. Infelizmente, o estudante, o cidadão, e muitas vezes o próprio professor pouco compreendem o que de fato é a ciência, como funciona, qual a sua importância. E pela não-compreensão do que é a ciência, as pessoas deixam de notar em como a ciência está presente nas nossas vidas.

Este coletivo tem uma série metas: através da discussão informal, e usando de temas relativos principalmente às Ciências Biológicas (nossa área de especialização), queremos desmistificar a ciência. Queremos mostrar o quão cotidiana ela é, e como o conhecimento deve estar (e muitas vezes de fato está) ao alcance de todos.

A Biologia é um tema fascinante para desenvolver essas idéias, por ser um campo bastante próximo a todos nós. Quem nunca ficou por alguns minutos observando um besouro? Quem nunca ouviu falar em desenvolvimento sustentável? Em reciclagem? Em DNA? Em Evolução?

E o mais incrível na Biologia, é que virtualmente TODOS os seus assuntos são inter-relacionáveis. E todos eles podem ser discutidos e apresentados de forma simples, dinâmica, acessível e atraente, mesmo quando tratam de temas complicados. A ciência (apesar de precisar de suas muitas equações, de seus experimentos mirabolantes, de suas pilhas e pilhas de livros em línguas estranhas) não precisa ser complexa o tempo todo.

Por vezes, a linguagem extremamente técnica adotada pelo cientista acaba por limitar o interesse do público geral a achados curiosos ou assuntos polêmicos. A descoberta de um novo dinossauro desperta a atenção do público, assim como as células-tronco ocupam um espaço constante nos noticiários. Agora: por que o dito dinossauro é importante? Qual a real extensão da polêmica sobre as células tronco? O que de fato significa aquecimento global?

Interpretar esses notícias, e compreender como as recentes descobertas afetam nosso mundo nem sempre é tarefa fácil. E para descomplicar um pouco a vida do leitor, esse blog vem somar-se ao crescente número de divulgadores da Ciência. Queremos apresentar a ciência de forma simples. Queremos que nomes como Lamarck, Gould, Watson e Crick sejam um pouquinho mais familiares. Que Darwin deixe de ser aquele barbudo que, dizem as más línguas, espalhou por aí que somos descendentes dos macacos.

Assim como o velho Darwin um dia embarcou num navio e encheu páginas de diários de bordo com fascinantes histórias do mundo natural, o nosso Diário do Beagle está aqui para retratar o dia-a-dia da fantástica viagem que é conhecer a ciência, e compreender o mundo. O Diário do Beagle é uma tentativa de democratização do acesso a informações e conhecimento da área das ciências biológicas, em toda sua amplitude. Para isso, buscamos biólogos que trabalhem nas mais diversas áreas. Seu nome é uma homenagem ao navio que mudou a história da humanidade, o HMS Beagle, que teve como tripulante ninguém menos o naturalista Charles Darwin.

3 comentários:

  1. Muito legal a proposta! Que siagem adiante! Aproveito pra deixar aqui o nosso blogue (também de alunos de biologia da UFRGS): http://adagadeoccam.blogspot.com/

    A ideia é parecida! Vou vinclular o Diário do Beagle como recomendado, posso? Seguimos na peleia contra a desinformação.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Opa, maravilha!
    Vamos adicionar o blogue de vocês na lista de parceiros aqui, também!
    Baita abraço!

    ResponderExcluir